Ikemen Desu ne ( J-Drama)

          

               Esse j-drama é um remake de um k-drama chamado “ You’re Beautiful”. Existe também a versão de Taiwan, “ Fabulous Boy”. Ano passado, falei sobre ele (clique aqui) e como se trata da mesma história, o que verão aqui está escrito na postagem deles também, embora eu fale sobre a diferença entre ele e as demais versões e sobre o que achei. Todo mundo que assiste a dorama japonês sabe, e eu também já disse várias vezes, que as produções deles não são muito boas, entretanto, eles têm se empenhado bastante em melhorar. “Ikemen Desu ne” é um dorama que tem uma produção maravilhosa. Acredito que foi o terceiro dorama japonês que tem uma produção tão limpa e tão bem feita que já assisti.
            Talvez você esteja se perguntando o porquê deva assistir todas as versões dessa história, que é muito divertida e intrigante. Eu já escrevi o motivo do porquê eu vejo todas as versões na postagem da versão de Taiwan, entretanto, falarei mais uma vez aqui o motivo e porquê acredito que você deva assistir também.  Mesmo que se trate da mesma história, são países diferentes, culturas diferentes e é óbvio que não vão seguir a mesma linha. Até mesmo a forma de se expressar deles são diferenciadas, e melhor ainda: pode acontecer coisas muito legais em algum deles que não tinha no outro, como o final. Embora fosse o mesmo final, cada um fez de maneira melhorada. Até hoje, acho que o melhor final foi o do “Fabulous boy” e nada irá mudar isso.

            A história gira em torno de uma freira muito ingênua que foi persuadida a ajudar seu irmão gêmeo, que estava se recuperando de uma cirurgia. Ele estava prestes a realizar o seu sonho de ser um ídolo, mas se ele não pudesse comparecer para assinar o contrato, o seu sonho iria por água abaixo. Por serem gêmeos idênticos, o empresário responsável por ele vai atrás da irmãzinha e conta toda a história com a missão de conseguir convencê-la a tomar o lugar de seu irmão por um tempo. Embora ela estivesse hesitando, resolve segurar os sonhos de seu irmão e substituí-lo. Entretanto, o líder da boyband da qual ele irá fazer parte, que já mostrava resistência em o aceitar, logo descobre sobre sua verdadeira identidade e resolve fazer como missão de sua vida expulsá-la a todo custo. E agora? Será que ela conseguirá o convencer a ficar até o retorno de seu irmão? E se os outros membros descobrirem também, o que ela fará?


            Miko Sakuraba é órfã que, junto de seu irmão, foi criada em um orfanato de freiras. Seu irmão seguiu no mundo e ela permaneceu no convento. Eles viveram até uma certa idade com seu pai, até ele falecer, e então os gêmeos ficaram aos cuidado de uma tia que os deixaram em um orfanato por não ter condições de cuidar deles. A mãe deles sumiu e eles sempre tiveram muita vontade de encontrá-la, por isso, Mio Sakuraba queria ser um ídolo, para que ela pudesse vê-lo na tv e, quem sabe, finalmente vir ao encontro deles. Miko é uma garota muito inocente,  nunca conheceu o amor e nem se quer tem noção do que tem no mundo a fora. Então, sendo criada pelos ensinamentos religiosos, ela estava decidida a ser uma freira.


            Só que sua vida, seus planos e tudo que ela sabia mudou. Miko virou Mio e teve que se desfazer de muitas coisas para que pudesse ser um garoto. O que ela não fez muito bem, já que foi descoberta muito facilmente logo pelo líder da banda, a quem ela mesma, sem querer, acabou fazendo os dias difíceis.  E olha que ele queria fazer os dias dela difíceis, entretanto, como ela é muito ingênua, não era qualquer coisa que a abalava tão facilmente. Até que eu gosto bastante de como a atriz que fez essa personagem a interpretou, só não acho que eles conseguiram disfarçar muito bem o fato dela ser uma garota. Se fosse pelo rosto, até poderia ser, mas as roupas não estavam boas, ainda mais pelo fato deles não terem se esforçado em esconder os seios dela, que muitas vezes dava para ver. Até agora, entre as versões, para mim, quem melhor fez essa personagem foi o k-drama, que quem atuou foi a atriz Park Shin Hye. Foi muito apaixonante para mim.  Os nomes  dos personagens no k-drama são Go Mi Nyu (irmã) e Go Mi Nam (irmão). Os nomes no Tw-Drama são quase iguais também, Gao Mei Nu (irmã) e Gao Mei nam (irmão).


            Ren Katsuragi é o líder e vocalista da banda “ANJELL”, um rapaz arrogante e orgulhoso. Além disso, ele tem T.O.C., o que o torna mais rígido em todos os aspectos. É daqueles caras cheios de "não me toques". Ren não confia nas pessoas e tudo isso é espelho de seu passado, pois foi basicamente abandonado por sua mãe e seu pai está sempre viajando pelo mundo, por ser um grande músico. Desde o princípio, ele não gosta de Mio e, embora ele fique tentando de todo jeito expulsá-la do grupo, principalmente depois de descobrir sua verdadeira identidade, ela fica grudando nele que nem chiclete, o que o irrita mais. Ele diz que ela é o azar em pessoa e que tudo tem dado errado na vida dele desde que ela entrou na banda.

            Com o tempo, sem conseguir se livrar por diversos motivos, ele não disse nada a ninguém e se comprometeu a guardar segredo, mas que não ia ajudá-la em nada. O que ele não conseguiu. Quando viu, já estava preocupado com Mio, se metendo em uma série de situações difíceis por causa disso e seus dias de paz nunca mais foram os mesmos com ela por perto. Se são motivo de shippe?? Como não?? Gente, eles são  a coisa mais fofa do mundo. Eu gosto da intepretação desse ator para esse personagem, mas ainda acho meio fraca e fico muito em dúvida entre a intepretação dos atores coreanos e os de Taiwan, que fizeram muito bem. Só que eu gosto muito do ator japonês que o fez. Ele não é ruim, mas ao comparar a questão de expressão, os outros são bem mais fortes. No k-drama, o nome dele é Hwang tae Kyung e no Tw-drama, Huang Tai Qing.


            Shu Fujishiro é o baixista da banda e às vezes ajuda no vocal também.  É muito calmo e muito na dele. Ele foi o primeiro a tratar o Mio de forma mais afetuosa e a cuidar dele como verdadeiro irmão mais velhos. Muitas vezes, Shu parece mostrar ter sentimentos por ele e até mesmo ciúmes. Como assim, né, Shu??? O acho muito maduro, mas embora ele seja bem sereno, às vezes perdia isso em alguns momentos por causa do excesso de inocência da parte de Mio. Eu gosto bastante dele e me deu uma dozinha dele, que senti muito mais nas outras versões, pois parecia expressar de forma mais sofredora o fato de estar sendo deixado de escanteio. A pessoa que interpretou esse personagem não foi alguém que me conquistou muito não, ainda acho que gosto mais de quem interpretou na versão coreana. No k-drama, o nome dele é Kang Shin Woo e do Tw-drama é  Jiang Xin Yu.

credito na foto

            Yuki Hongo é o baterista e diria que o elemento kawaii da banda. Ele é bem alegre e tem uma imaginação bem fértil. Gosta muito de festa. No começo, ele implicou bastante com o Mio por ele estar sendo a razão de muitos conflitos na banda, mas depois ele começou a ter sensações estranhas quando estava perto de Mio. Frequentemente, ele dizia a si mesmo que Mio é um homem, no intuito de cortar essa atração que ele estava sentindo. Muitas vezes, ele ficava imaginando várias situações estranhas de seus colegas de banda com a Mio, achando que estava rolando alguma coisa entre eles. Com o tempo, ele  resolveu aceitar que gostava desse garoto e que, se era assim, poderia ser que ele era gay???  Foi muito tempo de conflitos internos.  Eu gostei da atuação dele, foi bem diferente dos outros. Acho que ele diferenciou bastante, mas gostei. Claro que o meu favorito ainda é o do k-drama, sempre será. Tanto no coreano quanto no de Taiwan, o nome é o mesmo, Jeremy.


            Fora esses personagens, também existe a Nana, uma atriz muito famosa e conhecida como a “fada nacional”.  Embora todos achassem que ela era um anjo, na verdade, tudo era atuação e ela tinha uma péssima personalidade. Fazia de tudo para torturar o Mio e perturbar a paz do Ren, por quem ela tinha uma paixonite, embora não admitisse. Muitas coisas são solucionadas no decorrer da história, muitos motivos para chorar. Uma coisa que tenho que dizer, é que os atores japoneses não me convencem tão facilmente de suas tristezas, mas a atriz que fez Miko/Mio me convenceu. Nossa, que tristeza mais linda! Amei, dou medalha de ouro para ela. O final desse foi melhor que o do k-drama, mas não ganha do de Taiwan.

            Esse dorama teve uma participação especial do ator que fez o personagem principal no k-drama, Jang Geun Suk. Foi uma breve participação, mas foi sensacional vê-lo nesse dorama. No de Taiwan também teve participação especial da atriz Park Shin Hye e foi muito divertido. Eu gostei muito dessa versão, tem diferenças. Eu acho que a história foi mais resumida, mas não deixaram escapar nada que seja de extrema importância. As músicas são iguais do dorama original, só que em japonês. Sem dúvida alguma, eu superindico essa versão que é muito amorzinho. E aí? Já assistiram? O que acharam??

Gênero:   Comedia, Romance, Drama, Musica
Dorama: 11 episódios

Onde Assistir:  

Dopeka

0 comentário

Postar um comentário