Sukina Hito Ga iru Koto ( J-drama)



          Há muito tempo, estava curiosa sobre esse dorama. Estou feliz por, finalmente, conseguir assisti-lo. A produção está de ótima qualidade e o elenco está formidável. A história pode não ser tão intensa como eu gostaria, mas ainda assim é adorável e suave. Fiquei surpresa quando vi que esse dorama não foi uma adaptação de algum mangá, porque geralmente é, então estava esperando que essa também fosse. Há alguns rumores de que talvez ele vire mangá. Quem sabe nos dê um final mais interessante, apesar do final que tivemos não ser ruim, mas não foi satisfatório. Gostei muito da trilha sonora, já até coloquei na minha playlist, porque é muito fofa e doce, e ainda acabei conhecendo uma cantora bem interessante, JY, talvez ela apareça em alguma playlist.
            A história envolve uma jovem pâtissier que, por dar duro em seu trabalho, já faz um longo tempo que nem sabe o que é ter um relacionamento ou namorar. No entanto, nesse momento, ela está mais concentrada em sua profissão, para que um dia seja dona de seu próprio estabelecimento. Contudo, ela acaba sendo despedida. Depois de tentar várias entrevistas e ser rejeitada, a moça se encontra no fundo do poço, sem saber o que exatamente fazer, já que sua vida é pâtisserie. Porém, uma luz de esperança brilha quando seu primeiro amor do ensino médio a socorre em um momento crítico e oferece um emprego temporário no restaurante de sua família, no verão. Animada que talvez essa possa ser a oportunidade perfeita para dar um up em sua vida amora e ainda ter alguma experiência diferente como pâtissier, ela viaja para uma pequena cidade no litoral, onde irá morar junto de seu antigo, e talvez atual, amor. Entretanto, quando chega lá, acaba descobrindo que não irá morar apenas com ele, mas também com os seus dois irmãos. E agora? Como serão esses seus dias de verão, buscando mudar a sua vida?


            Misaki Sakurai é uma garota animada, amigável e um pouco atrapalhada. Nasceu em uma família especialista em um doce japonês, o que, tecnicamente, ela teria que herdar. No entanto, quando experimentou bolo pela primeira vez em sua vida, se apaixonou e, desde então, decidiu que de especializaria nisso. Depois de adulta, se dedicou a essa paixão com tudo, até mesmo não dando espaço para sua vida pessoal. Porém, esse esforço não foi reconhecido e ela acabou por ser demitida. Como se isso já não fosse ruim o suficiente, ainda não estava conseguindo emprego em nenhum lugar.  Então, quando a oportunidade de exercer sua profissão e ainda tirar as telhas de aranha da sua vida pessoal surgiu, a garota sentiu que poderia recomeçar. Entretanto, o que ela não esperava era que não seria tão fácil. Não bastava sua habilidade ter sido reconhecida pelo seu primeiro amor, que a convidou, pois ela teria que convencer o chefe de cozinha, o irmão do meio, que não era uma pessoa fácil de lidar. Como se essas dificuldades já não fossem o suficiente, seu objetivo de finalmente ter uma história de amor, nesse verão, não estava indo nada bem, já que o seu primeiro amor não parecia ter tal tipo de interesse por ela e, ainda, uma ex-namorada estava por perto.


            Chiaki Shibasaki é o primeiro amor de Misaki que, depois de provar um de seus bolos, a convidou para trabalhar no restaurante de sua família. Ele é o mais velho dos irmãos e cuida da parte administrativa do restaurante, fundado pelo seu pai. Chiaki é um rapaz inteligente, humilde e atencioso. Quando fazia faculdade, namorava uma de suas colegas, a quem amava muito. No entanto, ela o abandonou para ir ao exterior, por causa de sua carreira. Isso o magoou muito, mas ele estava vivendo sua vida. Todo mundo já sabia dos sentimentos de Misaki, mas ele era o único que não havia percebido. Sua ficha só caiu quando seu irmão mais novo lhe disse. Contudo, ele já havia feito várias coisas que fizeram a garota entender que seus sentimentos não seriam correspondidos, fazendo-a desistir dele. Porém, após sua ficha cair, ele acabou percebendo os seus sentimentos em relação a ela. Ele estava em um relacionamento e talvez fosse tarde demais para tentar alguma coisa. E agora? Será que ele desistirá?

            Kanata Shibasaki é o irmão do meio e chefe de cozinha. Suas habilidades são tão maravilhosas, que já foi chamado para fazer parte de um restaurante muito chique, contudo, ele quer se dedicar ao restaurante de sua família, junto de seus irmãos. Ele é um rapaz com personalidade tsundere, frio, agressivo e indiferente por fora, mas muito amável por dentro. Assim que conheceu Misaki, por alguma razão, a desaprovou de primeira. Ninguém entendia por que ele estava tão relutante sobre ela. Estava sempre a ignorando, a expulsando e a tratando mal. No desenvolvimento, passamos a entender que o motivo disso era porque achava suas intenções impuras, já que ela não veio trabalhar apenas por amar sua profissão, mas com segundas intenções com seu irmão. Alguém com esse tipo de coração, ele, como um chefe que ama o que faz, não poderia aceitar de jeito algum. Mas, ao observar a garota dando duro, mesmo depois de ser rejeitada tantas vezes e vendo quão séria ela estava sobre seus sentimentos, ao poucos foi aceitando-a. Com isso, acabou por se apaixonar. Apesar de não saber expressar seus sentimentos tão abertamente, ao ponto de fazê-la entender, de alguma forma, ele sempre estava nos momentos em que ela estava enfrentando seus sentimentos não correspondidos. Será que ele conseguirá conquistar o coração de Misaki, que só tem olhos para seu irmão mais velho?


            Toma Shibasaki é o irmão mais novo. Ele é um tanto rebelde e mulherengo. Está supostamente fazendo faculdade para se tornar chefe e herdar, junto de seus irmãos, o restaurante. No entanto, ele não parece estar levando a sério esse sonho. Apesar de manter segredo, não tem ido à faculdade e cada vez parece mais perdido. No desenvolvimento, entendemos que ele, na verdade, sempre se sentiu desprezado e inferiorizado em comparação a Kanata, então não se sentia necessário. Depois de causar uma série de problemas, o rapaz descobre como seu pai sempre o estimou e passa a mudar seu comportamento. Toma deu muitos conselhos à Misaki e seu jeito observador o fez ver o que estava rolando. Foi o primeiro a perceber os sentimentos de Kanata também. No começo, eu não fazia ideia que a rebeldia dele era por ele se sentir dessa forma. Achava-o tão alegre e parecia se dar tão bem com seus irmãos.
            Existem outros personagens, mas cogitei apenas falar desses, que são os principais. Eu gostei muito de cada interpretação. Esse é um dorama tão light. Não foi algo que me conquistou profundamente, mas é maravilhoso e merece ser reconhecido com toda a certeza. Você já deve ter se sentido incapaz, diante da profissão que exerce. Quantas vezes você ou alguém disse que não tinha capacidade? Para mim, esse dorama mostra bem esse ângulo e ensina a não desistir e dar o melhor de você naquilo que gosta e acredita. Então é isso. Espero que dê a oportunidade de conhecer essa história. INDICADÍSSIMO!!!


Gênero:   Romance, Comedia, Drama

Dorama : 10 episódios  

1 comentários:

  1. assisti esse dorama há bastante tempo pelo dopeka e amei real!! Adoro os atores sempre fazem um ótimo trabalho.

    Xoxo, Meowgical girl
    www.meowgicalgirl.com

    ResponderExcluir