Mangás lançados no Brasil: Shoujo - Editora Panini

           
       Há alguns meses, eu fiz a postagem sobre mangás românticos que já foram publicados pela Editoria JBC (clique aqui). Dessa vez, falaremos sobre os mangás shoujo publicados pela Editoria Panini. Quem não conhece, essa é uma das editoras que mais trazem novos títulos de mangás aqui para o Brasil, como seinen, shounem e shoujo. Embora nem todas as qualidades dos mangás deles sejam boas, têm alguns mangás que são supercaros, entretanto, têm uma qualidade incrível. Porém, infelizmente, não se encaixa com o shoujo, já que todos, até agora, têm a qualidade mais básica, o que quer dizer que é muito fácil ser estragado. Sem mais delongas, vamos conhecer todos desse gênero maravilhoso, que eu amo, que foram lançados aqui no Brasil por essa editora. 


      Aishiteruze Baby: ele foi publicado a partir do ano de 2009 e concluído com 7 volumes. Infelizmente, não cheguei nem ver a sombra desse mangá,  o que eu realmente queria, já que é uma história maravilhosa. Já falei do anime aqui no blog (clique aqui), o que também é muito indicado que vejam, embora seja antigo. Pode ser que vocês ainda consigam encontrar em lojas especializadas, mas o valor pode estar um tanto mais caro ou mais barato do valor de capa.


            Angel Sanctuary: esse foi publicado a partir do ano de 2005 e concluído com 20 volumes. Não fazia ideia de que tal mangá chegou a ser lançado aqui, fiquei muito surpresa, pois foi outro que nem cheguei a ver a sombra. Já falei do ova (clique aqui). Gostaria muito de ler o mangá, pois essa história me deixou muito intrigada. Talvez também dê para encontrar esse mangá em lojas especializadas.


            As estrelas cantam (Hoshi wa utau): esse foi lançado a partir do ano de 2010 e concluído com 11 volumes. Cheguei a comprar ainda os dois últimos volumes. Estou muito curiosa para ler essa história, que parece ser muito amorzinho.


            Bijojuku: cursinho de sedução: esse foi lançado a partir do ano de 2010 e concluído com 2 volumes. Não sei do que se trata, mas dei uma olhada por cima e parece ser muito interessante e com personagens carismáticos. Eu com certeza compraria.


            Black Bird: esse foi lançado a partir do ano de 2010 e foi concluído com 18 volumes. Quando comprei o meu primeiro volume, já estava quase no final. Depois de ler um volume, fiquei completamente louca para conseguir o restante e, aos poucos, consegui completar a minha coleção. Esse é um dos meus tesouros e um dos melhores mangás shoujo - na verdade eu diria josei - que já comprei aqui no Brasil. Estou ansiosa por mais histórias como essa.  
            Colégio Feminino Bijinzaka: foi lançado no ano de 2007 e concluído com 3 volumes. Não sei sobre o que se trata exatamente, entretanto, parece ser muito interessante e com certeza eu compraria.


            Contos de amor para você: foi lançado no ano de 2011 e concluído com 2 volumes. Esse também não vi nem a sombra e não sei sobre o que se trata, mas, de acordo com o que eu pude ver, parece ser muito interessante. Com certeza eu compraria.


            Colégio Ouran Host Club: esse foi lançado no ano de 2008 e concluído em 18 volumes. Quando o encontrei na banca, foi como se eu tivesse encontrado um tesouro. Era o último volume e foi o meu primeiro mangá depois de 13 anos sem comprar mangá. Então, quando encontrei os outros volumes, fui comprando. Até hoje tento completar essa coleção, que falta 2 volumes ainda. Só posso dizer que o mangá é melhor ainda, já que a história está mais completa, comparando com o anime.


            Destino Cativo (Toraware no mi no Ue): esse foi lançado no ano de 2008 e concluído com 5 volumes. Ano passado, comprei alguns volumes. Ainda estou em busca de encontrar o restante, já que estou bem curiosa para saber como é essa história.


            Eensy Weensy Monster: esse foi lançado no ano de 2009 e concluído com 2 volumes. Comprei os dois volumes em um evento onde estava muito baratinho. Eu simplesmente amei. Fiquei muito feliz por comprá-lo e li tudo no evento mesmo.


            Honey & Clover:  esse foi lançado no ano de 2009 e concluído com 10 volumes.  Sempre quis ler esse mangá, pois estou muito curiosa para saber se o final foi igual ao anime, que, inclusive, já falei sobre o anime e o dorama (clique aqui).


            Kare First Love: esse foi lançado no ano de 2008 e concluído com 10 volumes. Cheguei a comprar apenas um volume e sempre quis ler o restante, porque é um amorzinho essa história. Ainda tenho esperança de ler ele um dia.


            Kaichou wa Maid-Sama!: esse foi lançado no ano de 2011 e concluído com 18 volumes. Cheguei a pegar alguns volumes, mas nunca fui adiante, nem me lembro do motivo. É uma ótima história, mas existe algo nele que não me agrada. Até hoje não entendo o que.


            Marmalade boy: esse foi lançado no ano de 2009 e foi concluído com 8 volumes. Não tenho esse mangá, mas já o li 3 vezes e assisti ao anime. Gosto muito, mesmo sendo antigo. Certeza que amaria tê-lo na minha coleção.


            Otomen: esse foi lançado no ano de 2009 e foi cancelado com 7 volumes. Comprei os 7 volumes. Fiquei muito triste quando vi que não poderia terminar a história, porque a Panini fez o favor de cancelar uma história tão amorzinho.  


            Peach Girl: esse foi lançado no ano de 2003 e foi cancelado. Já assisti ao anime e, embora seja antigo, gosto muito. Amaria ter o mangá, mas ficaria furiosa se eu tivesse comprado e eles tivessem cancelado. Acho que essa é a publicação shoujo mais antiga dessa editora.



            Rockin’ Heaven: esse foi lançado no ano de 2010 e foi concluído com 8 volumes.  Cheguei a comprar o último volume. É outro que tenho muita vontade de ler, um dia com certeza, lerei. Curiosa.



            Spicy Pink: esse foi lançado no ano de 2010 e foi concluído com 2 volumes.  Não cheguei ver a sombra desse, mas li a sinopse e achei um amorzinho. Um dia quero ler, com certeza.



            Sunadokei: esse foi lançado no ano de 2008 e concluído com 10 volumes. Não cheguei a ler o mangá, mas já vi o live-action e achei uma história bem tensa. Um dia espero ler o mangá.




            Vampire Knight: esse foi lançado em 2007 e concluído com 19 volumes. Não cheguei a consegui completar a minha coleção e tenho apenas os 6 últimos volumes. Vou dizer: chorei às pitangueiras no final, até hoje me dói muito. Depois de ver o anime, acompanhava esse mangá pela internet. Depois descobri que lançava aqui e fui comprando os volumes lançados, a partir do volume 13. Espero, um dia, ter a coleção completa.



            Kare Kano: esse foi lançado no ano de 2006 e concluído com 21 volumes. Nunca passou em minha mente que esse título tivesse sido lançado aqui, fiquei muito surpresa. Eu com certeza o compraria, pois tenho muita vontade de ler o mangá, mesmo sendo uma história bem antiga.



            Kimi ni Todoke: esse foi lançado no ano de 2011 e está em andamento, com 27 volumes. Com um grande sorriso no rosto, digo: eu tenho esse mangá maravilhoso e irritante ao mesmo tempo.  Não tenho todos os volumes, mas tenho esperança de um dia completá-lo. Tenho a partir do volume 10 até o último que saiu. Amo esse mangá, mesmo os personagens sendo tão lentos, mas, na verdade, só conta a história de um amor genuinamente puro.



            Karin: esse foi lançado no ano de 2011 e concluído com 14 volumes. Eu não tenho esse mangá, mas meu irmão faz a coleção e eu li todos. Simplesmente amei. Já falei do anime e do mangá aqui no blog (clique aqui).



            Full Moon ni Sasayaite: esse foi lançado no ano de 2014 e concluído com 4 volumes. Tenho os 4 volumes e gostei muito. Queria que fosse mais extensa a história.



            Sankarea: esse foi lançado no ano de 2014 e concluído com 11 volumes. Eu tenho esse mangá, que é diferente de tudo que já vi por aí. Romance entre uma moça zumbi e um garoto que é louco por zumbis. Ainda não terminei de ler e nem tinha notado que tinha terminado de lançar.



            Ao haru Raido: esse foi lançado no ano de 2015 foi concluído com 13 volumes.  Essa é uma história muito amorzinho, um verdadeiro xodozinho, que eu tenho. Não terminei de ler tudo ainda. Da aquela dorzinha no coração de chegar ao fim, mas já escrevi sobre o anime e o live-action aqui no blog (clique aqui).



            Lovely complex: esse foi lançado no ano de 2016 e está em andamento com 10 volumes. Estou comprando esse mangá, que é simplesmente MARAVILHOSO. Minha vontade mesmo é de devorá-lo de uma vez. Já assisti 5 vezes o anime e continuarei assistindo. Então, assistam ao anime e comprem o mangá. É maravilhoso.



            Ore monogatari!: esse foi lançado no ano de 2016 e está em andamento, com 8 volumes. Estou comprando e é maravilhoso tê-lo em minha coleção. É uma história muito diferente, em que o protagonista é um cara muito diferente dos caras charmosos e bonitões que vocês veem por aí. Vale muito a pena ler e ver o anime.



            The God’s Lie (Kami-sama ga uso wo tsuku): esse foi lançado em 2016, com apenas um volume. Eu tenho e achei um amorzinho, até já falei dele aqui (clique aqui).



            One Week Friends (Isshuukan Friends): esse foi lançado em 2017 e está em andamento, com 4 volumes. Estou comprando e já li o primeiro volume. É bem amorzinho. Estou muito curiosa para ver o anime.



            Your lie in april (Shigatsu wa kimi no Uso): esse foi lançado em 2017 e está em andamento, com 3 volumes. A história é boa e te ensina muitas coisas, mas não gosto da protagonista, o que me deixou muito hesitante se eu comprava ou não. Só que, como estou curiosa para saber se o final é como foi no anime, eu resolvi comprar. Não é como se eu não tivesse gostado, literalmente. É uma história muito bonita, mas eu sou muito implicante, então já viu.



            Hal: esse foi lançado em 2017, com um volume. Comprei, mas ainda não pude ler. Logo lerei, com certeza, e venho aqui contar para vocês.



Last Notes: esse foi lançado em 2017 e está em andamento, com 1 volumes. Mesmo autor de Black Bird.

            Esses são todos os mangás shoujo, que consegui reunir, que foram lançados aqui no Brasil pela Editora Panini. Não sei se deixei algum passar despercebido. Eu, como colecionadora de mangás, estou muito feliz por ter conseguido ter muitos desses títulos maravilhosos, que são meus verdadeiros tesouros. Espero que a Panini continue lançando cada dia mais esses maravilhoso títulos, que têm no mundo shoujo e josei. De preferência, nos traga mais josei.  E aí? Quais desses títulos vocês têm????

1 comentários:

  1. Oi Carol!
    Muito legal a ideia de listar todos os shoujos lançados por uma editora! Esse gênero ainda é deixado muito de lado pela maioria delas... Desses que você listou eu tenho Bijojuku, Black Bird, Ouran, Maid-sama, Otomen, Vampire Knight e Aoharaido completos. Tenho alguns de Kimi ni Todoke, mas quero vender porque falta o 4 e não gosto de coleção incompleta. E estou colecionando agora Lovely Complex, Ore Monogatari e Last Notes.
    Até que tem mais shoujos na panini do que eu esperava! E faltaram alguns na lista ainda: Galism (6 volumes), Otomental (2 volumes), Wanted (volume único), 07-Ghost (Josei - 17 volumes), Mad Love Chase (5 volumes), O Maestro (4 volumes) e Psychic Detective Yakumo (em andamento). Talvez eu ainda tenha esquecido de algum também...
    E tem alguns que não são shoujo: Karin, Sankarea, Ishuukan Friends e Shigatsu wa Kimi no Uso são shounen e The God's Lie é seinen. Shoujo e romance não são sinônimos, embora na maioria das vezes os shoujos tenham foco em romance. Mas existem shoujos de ação muito bons e shounens de romance muito bons, como esses que estão na sua lista, por isso até entendo você citá-los aqui. :3
    Espero que não ache chato eu comentar essas coisas, só quero ajudar a deixar o post mais completo. :3
    Tomara que a Panini lance ainda mais shoujos, né? <3
    Adorei o post! Beijos~

    Armazém Otome

    ResponderExcluir