Tokyo Babylon



Quero começar dizendo que o maior defeito de Tokyo Babylon é ser uma história tão curta. Agora mesmo estou envolvida em um vazio sem fim, pois eu queria mais, muito mais. Que tristeza! Agora, parando os surtos, quem lembra de X 1999 (cliqueaqui) que saiu aqui nesse mês? Quem não lembra ou não viu dê uma passadinha lá, porque tem uma continuação dos personagens desse maravilhoso enredo. O mangá foi lançado em 1990, no Japão, e completou com 7 volumes. Foi trazido pela editora JBC em 2005. Eu não sabia, mas quando fiquei sabendo, muito recente, fui procurar e achei os sete por um preço acessível. Então, ganhei de presente do dia dos namorados. O maior tesouro que eu poderia ganhar. Eu amei a história e queria muito que tivesse um desenvolvimento mais duradouro. Tem uns detalhes que foram deixados passar que tenho certeza que todos os fãs estão corroendo até hoje.


O OVA foi lançado em 1992. A qualidade você já deve saber só de ver há quantos anos foi feito. A história que tem nele é um filler que não existe no mangá. Mesmo assim, eu adorei ver esses personagens com vida no OVA. Foi uma coisa incrível. Ainda sinto muito pelo fato de ter sido tão curto. Existe também um live-action que foi lançado em 1993. Eu encontrei sem legendas no próprio Youtube. Envolve uma historinha que existe no mangá, mas com várias modificações. Bem, tecnicamente, não entendi muito por que não tinha legenda, mas não é igual a história original. A qualidade é ruim, mas já é de se esperar. 


A história gira em torno de um adolescente que é médium e vem de uma família tradicional, de gerações de onmyoji, muito influente no Japão. Apesar de ser muito jovem, ele já carrega a responsabilidade de ser o próximo chefe da família. Assim, ele trabalha duro em vários mistérios que ocorrem na cidade de Tokyo e, com isso, se envolve em várias situações difíceis. Em meio a tudo isso, ele tem a sua irmã gêmea que o apoia e o ajuda a ter equilíbrio. Além de um homem que conheceu há pouco tempo e com quem acabou formando um elo de amizade. Para ele, ter a presença desses dois em sua vida se tornou algo muito normal, mas existe algo misterioso sobre essa pessoa, que está sempre lá, nos momentos mais complicados de seu trabalho. De um tempo para cá, ele tem tido sonhos referentes a algo que aconteceu e sobre uma promessa. Ele sente como se algo estivesse se aproximado. Que aposta é essa? O que está para acontecer?

Subaru Sumeragi é um garoto de 16 anos com alto poder espiritual, desde criança.  Sendo assim, ele se tornou o herdeiro da família Sumeragi, que são onmyoji (mistura de ciência natural e ocultismo) e que por muitas gerações serviram ao Japão nos mistérios que ocorrem “embaixo dos lençóis”, no país. Então, desde criança, ele tem sido treinado para se tornar cada vez mais forte e saber lidar com todos os mistérios que poderiam vir.  Apesar de sua força espiritual, Subaru é um rapaz de coração muito puro e cheio de compaixão com todos os seres vivos, além de ser ingênuo e não ter um autocuidado. Ele cuida mais dos outros do que de si mesmo. Sempre acaba sofrendo as dores das outras pessoas e está disposto a fazer qualquer coisa que estiver ao seu alcance pelos outros. Desde criança, ele tinha um sonho de ser veterinário. Cuidar de animais era o seu maior sonho. Ele se esforçava para estudar e fazer suas tarefas como novo líder da família, mas não era tão fácil manter o equilíbrio entre os dois. Contudo, ele dava o seu máximo para manter seu sonho e seu legado.


Hokuto Sumeragi é a irmã gêmea de Subaru. É uma garota excêntrica, animada, extravagante e barulhenta. Atrás desse seu jeito, eu sempre achei que havia algo que ela escondia para si. Mesmo sendo da mesma família, ela não tem o mesmo nível de poderes espirituais que seu irmão, então, apesar de ter treinado, Hokuto não é obrigada a seguir a tradição da família. Então, ela se diverte, tornando a vida do irmão mais agitada e cuidando dele. Parece ser só uma garota intrometida, mas, na verdade, ela cuida muito do seu irmão e o seu jeito de tentar juntar ele e o Seishiroo é porque ela quer que seu irmão desenvolva algo especial por alguém, além de compaixão. Como ela sentiu que aquela  era a pessoa ideal, fez de tudo para mantê-los juntos. Por trás de toda a sua farra, ela está de olhos muito abertos, é muito intuitiva e observadora. Sabe muito bem como seu irmão se sente e que, por trás do um rosto sorridente de Seishiroo, existe algo. Mesmo com jeito de brincadeira, ela deixa claro que se fizerem mal ao seu irmão ela não hesitará em reagir.


Seishiroo Sakurazuka é um veterinário aparentemente educado, gentil e atencioso.  Os gêmeos sabem que ele vem de uma família de médiuns assassinos, mas, por não conhecerem detalhes, nunca tentaram invadir essa privacidade, já que ele sempre disse não fazer parte da família. Atrás do sorriso gentil, existe muito mistério sobre Sakurazuka. Claro que só notamos isso porque, na história, vemos ele interferindo no trabalho de Subaru, às vezes para ajudar, outras nem tanto. Tudo isso embaixo dos panos. Subaru não suspeita de nada relacionado a ele e gosta muito de sua presença. Muitas vezes, Seishiroo salvou o garoto e fazia questão de estar presente. Ele também fazia menção de ter sentimentos românticos pelo garoto, mas é difícil dizer se ele falava sério ou só estava brincando. Ele é muito gentil com o Subaru e sua irmã.


No desenvolvimento da história, vamos descobrindo mais coisas sobre ele, e o Subaru passa a ter consciência de seus sentimentos após um incidente muito grave que levou Seishiroo a perder o olho direito. Nesse dia, tudo ao seu redor, inclusive seu coração, foi quebrado em pedacinhos. Quem diria que as coisas eram tão mais terríveis do que poderíamos imaginar e que os momentos felizes que passaram juntos, os três, desapareceriam em apenas um volume? Eu imaginava que as coisas não caminhariam para um lado bom, mas não fazia ideia que seria tão cruel. Até meu coração despedaçou. O pior é que tudo acaba ali, nos deixando imaginar o tamanho da dor que percorre as veias de quem ficou. Somente no X 1999, de fato, essa história acaba, mas nos deixando com uma pulga atrás da orelha.
Como já disse, o maior defeito dessa história é ser curta demais. Esses personagens aparecem em Tsubasa Chronicles (clique aqui), mas o Subaru é, na verdade, irmão gêmeo de  Kamui, e usam a mistura da aparência dele adolescente com o Kamui de X 1999. Lá, eles são vampiros que estão fugindo de Seishiroo, que os quer por causa de seus sangues. Eu gostei muito dessa história, mas não sei o que fazer com o vazio que eles me deixaram. INDICADÍSSIMO!!!!


Gênero:   Shoujo, Fantasia, Shonen ai
Autor:  CLAMP
Mangá:  7 volume 
Ova:   1 

0 comentário

Postar um comentário