Karekano


Sabe aquele anime MUITO antigo? "Karekano" é esse anime que arranquei do fundo do baú. Antes que eu fale qualquer coisa, por favor, alguém faça um remake urgentemente desse anime. O anime "Karekano" foi adaptado do mangá que começou a ser lançado no ano de 1996. Eu tinha seis anos de idade quando ele começou a ir para as prateleiras japonesas. Dá para ter uma ideia de quão antigo é agora? O mangá chegou a ser lançado aqui no Brasil pela Editora Panini, em 2006. Eu os queria tanto, porque mesmo que o encontre traduzido para português de Portugal, ainda só tem 32 capítulos,  que vai até onde chega o final do anime. O que quero saber mesmo é o que acontece depois do anime.
O anime foi lançando em 1999,  ou seja, já tem uns 18 anos que ele foi feito. A qualidade é horrível e o estilo em que eles faziam o anime naquela época é um tanto chato. Entretanto, a história é maravilhosa. Fico muito triste por eles não darem um final decente para o anime e acho que eles deveriam fazer um remake, porque é uma história que merece um anime de qualidade. Merece ser lembrada. Apesar de ser antigo, é um anime que você acaba devorando, porque acaba gostando muito dos personagens principais, que são muito intrigantes. Você quer ver que fim vai dar tudo aquilo.


A história gira em torno de dois estudantes de vida distintas, porém, com objetivos em comum: ser o melhor em tudo que fazem, serem o número um da escola.  A garota perfeita, que está sempre tirando notas altas, boazinha, que ajuda seus colegas. Seu estilo refinado arranca admiração e inveja por toda a escola. Nunca teve problemas com ninguém acima dela, porém, ao entrar no ensino médio, pela primeira vez, alguém a sobressaiu: um garoto bonito, amigável, inteligente e que até mesmo conseguiu um cargo que só alunos número um conseguem na escola. Está sempre no topo da lista das melhores notas, enquanto ela passou ser o segundo. Apesar de ela ser aparentemente refinada e boazinha, a verdade é que tudo isso só uma máscara e ela está muito irritada com esse garoto que tomou o seu primeiro lugar. Está disposta a derruba-lo de alguma forma.
 Embora já estivesse estudando um tempo com ele, não haviam se conhecido de fato. Alguns encontros pela manhã, antes dos outros alunos chegarem ou trabalhos designados aos dois juntos, os fizeram conversar. Mesmo ela o odiando do fundo de seu coração, ela tentava manter a pose de garota boazinha e refinada diante dele. O que a deixava mais irritada era que ele era realmente um garoto perfeito e não usava máscaras como ela. Um dia, o jovem, inesperadamente, se declara a ela, o que moça nem pensa e dá o fora nele. Mesmo depois disso, ele não aparentava querer desistir. Então, um dia, sem aviso prévio, ele aparece na casa dela e acaba vendo o verdadeiro eu dela. E agora? Todo o seu trabalho duro de anos para ser a garota supostamente perfeita vai por água à baixo? Se passaram dias e nada dessa verdade ser espalhada pela escola, então, ela baixou a guarda e acreditou que ele era mesmo um bom samaritano. Contudo, a imagem de bom samaritano cai em pedaços quando ele a coloca na parede e propõe que ela faça alguns trabalhos para ele, em troca dele não espalhar seu segredo. Agora, ela é escrava do garoto que ela acreditava ser perfeito. 


            Yukino Miyazawa é a heroína dessa história. Embora na frente das pessoas não íntimas ela seja uma garota perfeita e de pessoalidade refinada, a verdade é que tudo isso é uma máscara. Ela é uma egomaníaca e usa essa máscara de garota perfeita para que seja invejada, tratada de forma especial e estar sempre no topo. Na verdade, ela é vaidosa, malcriada e mentirosa. Mesmo que esse seja o caso, a verdade é que não podemos parar para pensar no quanto ela dá realmente duro e como é determinada em manter as aparências. É claro que tudo tem um preço, o qual, até então, ela não ligava, afinal, o importante era estar no topo.


            Só depois de se aproximar de Arima e ver que, de uma forma diferente, eram iguais, passou a reconhecer qual era o preço que pagava por fingir ser quem não é. Não ter amigos de fato e estar sempre sozinha era o preço que, até então, não importava. Entretanto, ao começar a se apaixonar por Arima, tudo mudou. Ela resolveu parar de fingir ser o que não é, embora alguns hábitos não fossem tão fáceis de deixar para trás. Claro que isso também tinha um preço. Uma vez que ela mostrasse a garota estranha que ela era de verdade, muitas pessoas iam parar de elogia-la e ela poderia perder a admiração das pessoas. Depois de superar isso, ela ganhou um namorado e amigos.


            Soichiro Arima é um garoto, de fato, perfeito, bonito, inteligente, amigável e adorado por todos. Arima tem um passado muito sombrio, o qual ele está sempre tentado esquecer, mas a sombra do passado o persegue mesmo assim. Ele é filho adotivo de seus tios e, por não querer ser um problema e ser grato por tudo que eles fazem, ele dá duro para ser motivo de orgulho e não de preocupação. Embora ele estivesse rodeado de pessoas, a verdade é que ele não tinha laços com ninguém. Ele diz ser vazio. Nunca havia tido interesse em ninguém, até que um dia ele passou a notar a Miyazawa, por seus colegas sempre falarem dela. Aos poucos, ao observa-la, ele acabou se apaixonando, mas levou um fora logo de cara quando se declarou.

            Depois de conhecer o verdadeiro eu dela, ficou realmente chocado. Ele não disse nada a ela no começo, porque estava se pondo à prova (é o que acredito) de que mesmo depois de conhecer o eu verdadeiro dela, realmente gostava da Miyazawa. Então, pela primeira vez, ele acabou conhecendo uma parte dele que não conhecia. Armou um plano e uma forma de fazê-la estar mais próxima dele, a fazendo supostamente de escrava. Não é que ele escondia o seu jeito de ser, mas ele, na verdade, não tinha conhecimento desse eu dele. No decorrer da história, Arima mudou bastante. Embora continue sendo um cara perfeito, porque é algo dele mesmo, outras coisas que ele não tinha conhecimento também começaram a aparecer, como seu lado possessivo e seu amor possessivo por Miyazawa. Isso o fazia sofrer um pouco.


            Maho Isawa é uma garota madura que, no decorrer da história, por causa de sua inveja,  acaba armando um boicote na sala de aula contra Miyazawa. Ela faz a cabeça de todas as meninas da sala para virarem as costas para a Miyazawa, dizendo que ela era fingida e que usava seu charme para enganar Arima e Asaba, os dois garotos mais populares da escola. Depois, foi revelado o motivo dela fazer isso e Maho acaba sendo arrastada pela louca Miyazawa, que praticamente as obriga a serem amigas, o que deu muito certo, no fim das contas.


            Asaba Hideaki, um verdadeiro playboy, é o amigo de Arima. Asaba tinha muito ciúme do amigo com a namorada, mas o motivo real é porque ele é louco por mulheres e queria usar a beleza do amigo para atrair mais meninas e, se ele fosse comprometido, atrapalharia seu plano perfeito. Então, ele tentou separar os dois, o que não deu certo, afinal, Arima e Miyazawa não são bobos. A aproximação de Asaba e Miyazawa depois deles terem ficado amigos incomodou o Arima possessivo, mas depois tudo acalmou. Asaba mora sozinho. Deixou sua casa porque não suportava seu pai politicamente correto, que reclamava dele ser mulherengo. Ele parece ser sem noção, mas é muito observador e cuida muito de seus dois amigos.


            Tsubasa Shibashime é uma garotinha baixinha, lindinha e kawaii, porém, tem uma personalidade terrível. Ela é amiga de infância de Arima e apaixonada pelo mesmo. Como ela ficou meio ano internada por causa de um acidente, ficou em choque quando descobriu que ele estava namorando. Então, tentou fazer de tudo para separar, o que claro que não deu certo, porque esse casal é demaaaais. Nem por um momento ela conseguiu abalar a relação, pois existe muita confiança mútua. Logo, Tsubasa abaixou a sua bandeira e se tornou boa amiga de Miyazawa.


            O que mais gosto desse casal é como eles se conhecem tão profundamente e o quanto eles confiam um no outro. Eles conhecem o defeito um do outro e mesmo assim não deixam isso interferir na vida deles. A possessividade do Arima não é por não confiar na Miyazawa, mas o fato dele ver que ela pode viver normalmente sem ele, enquanto Arima não consegue mais viver sem ela. Isso o deixa inquieto. Como isso vai se resolver, eu não sei (choro), porque não consegui ler o mangá. Sério, estou muito inquieta. Preciso encontrar esse mangá e ler, se não, não vou ter paz. 

            Eu amei essa história e indico para você assistir, mas já digo: a qualidade do anime é realmente péssima. Tem que ter paciência para assistir. Vale a pena conhecer esse dois. Se tiver o mangá, melhor ainda. Leia o mangá e não veja o anime, ganhará mais assim. INDICO, SIM!!! E aí? Já assistiram? O que acharam??

Gênero:   Comedia, Drama, Romance
Autor: Masami Tsuda
Mangá: 21 volumes
Anime: 26 Episódios

1 comentários:

  1. Oiii, tudo bem?^__^ dei um up no blog e aproveitei p/ dar uma passadinha aqui ♥
    Nossa, faz muito tempo que eu não escuto sobre esse anime
    Hahaha é antigo mesmo xD adorei a sua sinceridade falando da qualidade e da necessidade de remake, mas mesmo antiguinho com certeza merece ser lembrado ♥ eu mesma vejo até talvez mais anime anos 90 quanto os novos
    Mesmo com essa qualidade/resolução eu assistiria ^__^ Afinal, só 26 eps não custaria nada, principalmente para quem vê series com episodios de uma hora ◑ω◐

    O blog tá com decoração natalina e post novo ^___^
    Bjinho ヾ(´・ω・`)
    Blog:ShyandBrave

    ResponderExcluir